Notícias > Política

16/09/2013
10:00

Cremonese acredita que democracia avançará se culpados do mensalão sejam punidos

O Coordenador do Curso de Ciências Sociais – Bacharelado da Universidade Federal de Santa Maria, Dejalma Cremonse avalia para o Repórter a possibilidade de redução das penas dos envolvidos com o mensalão

O professor doutor Dejalma Cremonese, coordenador do curso de Ciências Sociais da Universidade Federal de Santa Maria avaliou para o Grupo Repórter a possibilidade de redução das penas dos envolvidos com o mensalão. Para ele "seria um avanço para a democracia brasileira se o STF, como instituição maior, pudesse julgar e punir os culpados do "mensalão". A sociedade espera esta decisão como forma de diminuir a impunidade no país. Passa a ideia que o político é um ser que prescinde da legalidade. Se os condenados tivessem uma punição exemplar o Brasil seria melhor. 

BUSCA NO SITE

Um valor é necessário.